Pró-Sinos e Feevale capacitam mais de 150 professores na área de saneamento básico

Docentes de 18 municípios da Bacia do Rio dos Sinos encerraram o curso online e gratuito.



Os quatro eixos do saneamento básico foram tema da formação de professores promovida pelo Consórcio Pró-Sinos e pela Universidade Feevale. De agosto a novembro, 157 docentes de escolas de 18 municípios da Bacia do Rio dos Sinos participaram do curso que teve como objetivo ampliar a rede de educação ambiental voltada à preservação da Bacia do Rio dos Sinos.


O curso online e gratuito foi realizado a partir da parceria entre o Programa Saneamento na Escola, do Pró-Sinos, e o Programa Educação Ambiental na Bacia Hidrográfica do Vale do Sinos, da Feevale. Os encontros, pela plataforma Blackboard, da Feevale, tratou de temas como abastecimento de água, esgotamento sanitário, drenagem urbana e manejo de águas pluviais, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos, totalizando 40 horas de atividades. Foram disponibilizadas videoaulas, materiais de apoio, informativos, além de atividades que poderão ser utilizadas como instrumento pedagógico.


“A partir da parceria fundamental da Universidade Feevale, foi possível desenvolver uma das etapas do Programa Saneamento na Escola, que previa justamente a capacitação de professores. Também agradecemos a participação da Corsan, que apresentou o portal H2OJE, essa importante ferramenta que reúne informações sobre sustentabilidade hídrica”, ressaltou o presidente do Pró-Sinos, Leonardo Pascoal.


Para o professor Rage Weidner Maluf, coordenador do Programa de Extensão em Educação Ambiental na Bacia Hidrográfica do Vale do Sinos, a parceria foi muito positiva. “Enriqueceu muito o projeto, canalizou um pouco mais para as questões do rio e isso foi muito bom. O número de  participantes foi excelente, e o retorno deles, também”, destacou. Segundo ele, as temáticas atuais geraram um volume expressivo de materiais, que poderão ser utilizados em sala de aula. “Vamos dar continuidade ao projeto em 2021 e gostaríamos de renovar a parceria com o Pró-Sinos e a Corsan”, afirmou Rage.


Professora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Borges de Medeiros, de Campo Bom, Suelen Gomes Leal ficou muito feliz com o que aprendeu e já vê a utilização desses conhecimentos em sala de aula. “Dou aula para as séries finais do ensino e tenho todos os projetos de ciências da escola. Nasci em Porto Alegre e resido em Sapiranga. Sentia necessidade de conhecer mais sobre o Rio dos Sinos. Encontrei no curso a possibilidade de aprofundar esse conhecimento”, destacou.


Como o curso previa atividades docentes, Suelen já começou a replicar o aprendizado. “O material disponibilizado em todas as etapas era muito diversificado, todos os professores poderão utilizá-lo, independentemente da idade dos alunos”, finalizou a professora que é formada em Biologia, com pós-graduação em Genética Forense.





Endereço

Atendimento